Páscoa: explosão de amor

Bento XVI: Ressurreição, explosão de amor
A morte de Cristo foi um ato de amor. Na Última Ceia, Ele antecipou a morte e transformou-a no dom de Si mesmo [na Eucaristia]. A sua comunhão existencial com Deus era, em concreto, uma comunhão existencial com o amor de Deus, e este amor é a verdadeira força contra a morte, é mais forte do que a morte. A ressurreição foi como que uma explosão de luz, uma explosão do Amor…, inaugurou uma nova dimensão do ser, da vida…, através da qual surge um mundo novo.
A vida nos vem de ser amados por Aquele que é a Vida; vem-nos de viver com Ele e de amar com Ele. “Eu, mas já não eu” (cf. Gl 2,20): este é o caminho da Cruz, o caminho que “cruza” uma existência que estava “trancada” dentro do “eu”, e “abre” justamente assim a estrada que leva à alegria verdadeira e duradoura […]
Só o Cristo ressuscitado pode levantar-nos, arrebatar-nos para cima, até a união com Deus, até ali onde as nossas forças não podem chegar. Ele carrega realmente a ovelha perdida sobre os seus ombros e a leva para casa. Se vivermos agarrados ao seu Corpo, em comunhão com o seu Corpo [com o Corpo da Eucaristia e o Corpo místico da Igreja], alcançaremos o coração de Deus. E só assim a morte será vencida, nós seremos livres e a nossa vida será esperança…
Mediante a ressurreição de Jesus o amor revelou-se mais forte do que a morte, mais forte do que o mal. O amor o fez descer a este mundo e é, ao mesmo tempo, a força pela qual Ele sobe. A força através da qual Ele nos leva consigo. Unidos ao seu amor, levados sobre as asas do Amor… subiremos também com Ele…
«Jesus, fica comigo nas minhas noites escuras e conduz-me para fora delas! Ajuda-me, ajuda-nos, a descer contigo até a escuridão daqueles que estão à espera (porque não te conhecem), e que das profundezas gritam por ti! Ajuda-nos a levar-lhes a tua luz! Ajuda-nos a chegar todos ao “sim” do amor, que nos faz descer [do pedestal] de nós mesmos e por isso mesmo nos faz subir contigo! Amém.
(Excertos das homilias de Bento XVI na Vigília pascal de 2006 e 2007)